25 de jun de 2014

Meditando o Evangelho da Quarta-feira (Mt 7,15-20)

Evangelho de hoje: Mt 7,15-20

Guardai-vos dos falsos profetas. 
Eles vêm a vós disfarçados de ovelhas, mas por dentro são lobos arrebatadores.
Pelos seus frutos os conhecereis. 
Colhem-se, porventura, uvas dos espinhos e figos dos abrolhos?
Toda árvore boa dá bons frutos; toda árvore má dá maus frutos.
Uma árvore boa não pode dar maus frutos; nem uma árvore má, bons frutos.
Toda árvore que não der bons frutos será cortada e lançada ao fogo. Pelos seus frutos os conhecereis.



Comentário

Nazaré era uma aldeia de agricultores e pastores e Jesus estava familiarizado com os costumes e realidades do campo.
Por isso, recorre à sabedoria elementar que têm os que o escutam e que, ao ver uma árvore, sabem logo se vai dar bons ou maus frutos.
O resultado final das coisas (os frutos), parece dizer, depende sempre do longo processo de amadurecimento que têm por detrás.
Cuidai das raízes dessa árvore que sois cada um, plantai-a próxima de um manancial de água, podai seus ramos a tempo: o bom fruto virá por si.





Salmo 118/119

Ensinai-me a viver vossos preceitos, ó Senhor!

Ensinai-me a viver vossos preceitos;
quero guarda-los fielmente até o fim!

Dai-me o saber, e cumprirei a vossa lei,
e de todo o coração a guardarei.

Guiai meus passos no caminho que traçastes,
pois só nele encontrarei felicidade.

Inclinai meu coração às vossas leis,
e nunca ao dinheiro e à avareza.

Desviais o meu olhar das coisas vãs,
dai-me a vida pelos vossos mandamentos!

Oração Espírito de sinceridade, fazei com que minha vida seja sempre mais coerente com minha fé e minhas palavras. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário